7 ações de marketing digital para utilizar no Outubro Rosa

Em épocas nas quais campanhas e ações de conscientização estão sendo propagadas, alguns assuntos sobre saúde ganham uma atenção especial nos mecanismos de busca. Isso faz com que o Outubro Rosa sirva como uma grande oportunidade para atrair pacientes.

Nessa parte do ano, o tema que ganha um destaque maior é o câncer de mama: as pessoas vão em busca de informações sobre as melhores práticas de prevenção e cuidado. O laço rosa se tornou um símbolo da prevenção em 1990. Desde então, as pessoas usam essa época para incentivar exames como a mamografia, voltada a detectar o tumor na fase inicial na qual a chance de cura é muito maior.

Mas a campanha só foi ganhar mais atenção em terras tupiniquins a partir de 2002, com os profissionais recomendando a mamografia preventiva a partir dos 50 anos. Quer saber como conseguir mais pacientes e ainda contribuir para a conscientização? Então, continue a leitura com a gente!

1. Conteúdo online

O marketing de conteúdo é uma das melhores estratégias para aproveitar temas que estão com um volume alto de pesquisas nos mecanismos de busca, por meio de artigos e materiais educativos.

Digamos que uma pessoa pesquise sobre os fatores de risco da doença no Google, inserindo sua dúvida utilizando palavras-chave. Um blog post com uma boa estratégia de SEO pode fazer com que seu conteúdo fique indexado nas primeiras páginas do buscador.

Assim, o material faz com que a pessoa solucione a sua dúvida, e ainda gera autoridade, ou seja, o público fica mais propenso a apostar em você para solucionar questões de saúde.

2. Links patrocinados

Todo crescimento orgânico demanda tempo. E o que isso significa? Lembra de quando falamos que o Outubro Rosa aumenta o volume de buscas sobre o assunto na web? Então, o SEO não é a única maneira de aproveitar isso.

O ideal é que estratégias de crescimento orgânico sejam dimensionadas a longo prazo, para ter volume de material e público suficientes. Por outro lado, links patrocinados podem impulsionar seus posts em um período menor de tempo, inserindo-os em um espaço reservado para anúncios nas primeira página do Google.

As duas estratégias se complementam: os links patrocinados trazem visibilidade inicial e o SEO sustenta o público por um período maior de tempo.

3. Otimização do site

Imagine que seu público entrou em contato com os conteúdos sobre o Outubro Rosa e decide saber um pouco mais sobre o que você ou a sua empresa é capaz de oferecer. Esse tipo de informação tem que estar disponível em algum lugar, certo?

O site institucional serve para dispor as informações mais básicas e fundamentais sobre os serviços que você oferece. Se uma mulher busca os serviços de uma clínica para fazer exames de prevenção, é na página que ela se informa sobre os agendamentos, por exemplo.

O ideal é que o site seja responsivo, ou seja, capaz de ser exibido com qualidade em diferentes dispositivos e dimensões de tela. Desse modo, os pacientes também podem se informar usando seus smartphones e tablets.

4. Anúncios nas redes sociais

Que as redes sociais são um dos meios mais usados para comunicação hoje, isso ninguém mais tem dúvida. É lá que o público entra em contato com uma quantidade diversificada de informações, como publicações de amigos, notícias etc.

Isso ressalta a importância da presença nessa mídia. O Outubro Rosa recheia as redes de publicações sobre o assunto, aumentando a chance da sua página encontrar espaços no feed das pessoas.

Os anúncios em plataformas como o Facebook Ads, por exemplo, são segmentados e aparecem para as pessoas mais suscetíveis a se tornar pacientes, maximizando as chances de retorno desse investimento.

5. Anúncios na rede de display

Se você navega na internet há um tempo, certamente já reparou naqueles anúncios que aparecem na barra superior ou lateral dos sites. Esse tipo de exibição faz parte dos anúncios da rede de display do Google Ads: também exibidos no YouTube, Gmail e nos aplicativos da Play Store.

A grande vantagem desses anúncios é a exibição com base no histórico de consumo do seu público: se as pesquisas sobre questões de saúde são frequentes, há uma chance maior dos materiais relacionados aos seus serviços aparecerem na rede. Outro fator útil é o apelo visual. Os anúncios, com o uso de imagens, se tornam mais atrativos e tendem a gerar mais cliques, aumentando a exibição da sua página.

6. Captura de leads

Lembra de quando falamos que o volume de buscas e mais alto em certos períodos do ano? O resultado dos conteúdos e dos links patrocinados é um aumento no número de visitantes da página. E o que você vai fazer com esse tráfego?

No momento em que potenciais pacientes entram em contato com o seu conteúdo, o próximo passo é torná-los leads, isto é, pessoas que consomem materiais e têm interesse em exames ou consultas, por exemplo.

Assim que a persona, personagem fictícia que representa o seu público-alvo, lê um blog post sobre prevenção do câncer de mama, ela pode garimpar seus conteúdos em busca de mais informações. Desse modo, as publicações podem levá-la a uma landing page, ou seja uma página de captura oferecendo algum material rico em troca de informações que vão compor o fluxo de nutrição.

7. Nutrição de leads

O fluxo de nutrição é uma maneira de intensificar a comunicação com os leads por meio de contatos por e-mail. Desse modo, a interação se torna mais agregadora, familiarizando a presença no cotidiano da sua audiência.

Assim que a lista de e-malis é construída, é preciso determinar como os disparos vão ser feitos para realizar o propósito de nutrir e criar identificação. É importante ter a persona bem definida para determinar qual vai ser o tom de voz e a linguagem na composição da mensagem.

Além disso, ter um calendário editorial vai ser importante na hora de segmentar os e-mails. Lembre-se de ser estratégico nas datas, considerando o quão favoráveis as pessoas estarão em determinada época do ano.

Por fim, insira um CTA (chamada para a ação) no corpo do seu e-mail. O ideal é que a ação seja clara e objetiva, sem ambiguidade ou redação confusa. Em geral, mensagens curtas e que vão direto ao ponto convertem mais.

O Outubro Rosa, como você pôde ver, serve como uma excelente oportunidade para conseguir pacientes e ainda contribuir para a conscientização e disseminação de informações educativas. Se sua empresa atua em outro segmento, o Outubro Rosa ainda pode ser aproveitado para aumentar a presença na web com materiais relevantes sobre o assunto.

O que achou no nosso texto? Quer aprender mais coisas sobre como usar a web para conseguir mais pacientes? Então assine nossa newsletter!

Você Também Vai Gostar