Os três principais tipos de presença online que cativam para seu negócio

Os três principais tipos de presença online que cativam para seu negócio

Os consumidores brasileiros raramente tomam decisões de compra sem antes fazer algumas pesquisas. Hoje, essas buscas geralmente começam online – o consumidor avalia todas as informações — e críticas — obtidas por meio de blogs, mídias sociais e websites para fazer sua avaliação final dos prós e contras da compra. Por isso que é tão importante que sua empresa ofereça um conteúdo online completo e tenha um plano de marketing eficaz para conquistar e manter sua credibilidade no mercado.

Aqui vão os três principais tipos de presença online que não podem faltar para ajudar seu negócio a conquistar mais clientes:

1.Blog informativo

Ao produzir um blog de conteúdo sobre o mercado em que sua empresa atua, ele tem que ser apresentado como uma fonte de informações, e não como um canal de vendas. Aproveite a oportunidade para publicar de matérias com credibilidade e com dados interessantes para o seu público, como pesquisas setoriais, infográficos, notícias e artigos. Ao produzir um blog de negócios, certifique-se de mantê-lo sempre atualizado com as últimas novidades e tendências e evite a divulgação de produtos.

Além disso, a manutenção de um blog é uma ótima maneira de alavancar a presença de sua empresa no mundo de negócios digitais, aumentando a visibilidade via busca orgânica. Lembre-se de incluir links de acesso para os serviços, produtos e empresas que você mencionar, para que os leitores sintam que seu blog é uma fonte e assim, engajem-se mais. Aproveite e faça uso de palavras-chave interessantes para o seu negócio, compartilhe os posts nas mídias sociais onde está presente e mantenha uma assinatura com seus contatos no rodapé!

2.Posts nas mídias sociais

Outra forma valiosa de atrair consumidores é por meio da geração de conteúdo com engajamento social. Plataformas como Facebook, Pinterest, Google+, Twitter e YouTube são ótimas ferramentas para conectar sua marca com clientes em potencial e outros interessados em seu mercado.

Os consumidores adoram posts interessantes publicados nas mídias sociais, pois são uma forma de interação fácil e rápida. Ao fazer uso destes canais para a publicação de fotos, dicas, ofertas especiais, vídeos e outros, você estará compartilhando o expertise de sua empresa. Por meio destas mídias, sua empresa constrói uma relação próxima que pode ser fonte de muitos negócios.
Dica extra: Publique posts que engagem e peça aos seus seguidores que compartilhem!

3. Testemunhos dos clientes

Parceiros e clientes em potencial sempre gostam de ter acesso às avaliações de clientes que já foram atendidos por sua empresa. Isso pode ajudá-los a ter uma ideia real sobre como é fechar negócio com você.

Enquanto a opinião de amigos, familiares e colegas de trabalham continuam tendo um forte peso junto aos clientes indecisos, eles também gostam muito de encontrar testemunhos online. Por isso, é crucial fazer um bom gerenciamento de sua reputação online, monitorando o que as pessoas estão dizendo nos diretórios e sites de opinião e claro, buscar soluções para clientes insatisfeitos e respondê-los de forma educada e clara. Mas fazer a gestão da reputação não é apenas gerenciar relatos negativos, é também importante pedir que clientes felizes deixem seus relatos.

Dica: Produza também vídeos de testemunho para publicação na sua página e nas redes sociais.

Ao criar e publicar conteúdo que seja útil e compartilhável, você maximiza a exposição do mercado em que atua e, consequentemente, de seu negócio. Desta forma, você forma opinião junto aos clientes em potencial e engaja os interessados por meio de conteúdo cativante ou que sirva de esclarecimento.

Impacto dos Links Patrocinados no Reconhecimento das Marcas

Impacto dos Links Patrocinados no Reconhecimento das Marcas

CLINKS – Google AdWords 18 de junho de 2014

Estudo do Google em parceria com o Ipsos MediaCT procurou determinar o impacto dos Links Patrocinados sobre a consciência das marcas

– Um estudo do Google AdWords em parceria com o Ipsos MediaCT procurou avaliar o impacto dos Links Patrocinados sobre o reconhecimento das marcas junto aos consumidores. Diversos outros estudos sempre são realizados, visando compreender o impacto dos anúncios no Google sobre os cliques e as conversões. Este, porém, avaliou como a memória dos internautas associa palavras-chave essenciais de um grupo de produtos e serviços às empresas que anunciam no Google.

– O estudo avaliou 12 setores, por meio de pesquisas simuladas onde resultados patrocinados exibiam importantes empresas do setor. Após isto, perguntou-se aos consumidores a primeira marca que lhe ocorria ao pensar na categoria da palavra-chave. Cerca de 14,8% dos entrevistados citaram o nome da marca que aparecia nos anúncios. Quando o mesmo anunciante não aparecia nos resultados patrocinados, a média de citações da marca caía para 8,2%. O que isto representa? Segundo o estudo, os Links Patrocinados tem o potencial de elevar, em média, até 6,6% a lembrança da marca sobre os potenciais consumidores de uma categoria. Em alguns setores, como o de automóveis, o aumento foi de 9 pontos.

– Tais resultados mostram que os Links Patrocinados tem um impacto claro e positivo sobre a percepção da marca. Esta pronta associação da palavra-chave com a empresa não é de surpreender. Quando uma pesquisa é realizada, já há um interesse do internauta nos produtos ou serviços oferecidos. O estado de espírito do consumidor, neste caso, está altamente receptivo às ofertas. Esta é uma vantagem que os anúncios na TV, rádio, jornais ou revistas não podem prover. Se, ao realizar uma pesquisa, o internauta se depara com anúncios promovendo exatamente aquilo que ele procura, há uma forte probabilidade de que ele se lembrará, posteriormente, deste anunciante.

– Para tanto, é necessário que a gestão dos anúncios do Google AdWords seja eficaz, escolhendo as palavras-chave certas para serem exibidas no momento ideal para seu público-alvo. Além disso, a gestão dos anúncios precisa ser de alta qualidade, garantindo que a empresa ocupará os primeiros resultados do Google, sendo percebida pelos consumidores.

– Como podemos perceber, anunciar no Google por intermédio dos Links Patrocinados, é uma forma de atingir não apenas cliques e conversões, mas também aumentar a consciência da marca junto ao seu público-alvo. Benefícios para os negócios online que vão muito além daquilo infogrque os comerciantes conseguem perceber.

*fonte: http://www.clinks.com.br – Matéria extraída do site Clinks, que foi postada no dia 18 de junho de 2014.

10 principais pontos para transformar seu site no maior gerador de negócios da sua empresa

10 principais pontos para transformar seu site no maior gerador de negócios da sua empresa

O site de uma PME de qualquer segmento se tornou hoje o coração do negócio e a base do marketing online. Mas o seu está realmente atrativo? Ele tem desempenhado o papel de maior fgerador de negócios? Ou sua página vem perdendo visitantes, por não estar atualizada com todas as informações?

Veja abaixo os 10 principais diferenciais que sua página deve oferecer para atrair clientes em potencial e gerar bons negócios:

1. Contatos claramente visíveis

Qual é a primeira ação que você espera dos visitantes quando chegam ao seu site? Se você quer que eles liguem, solicitem orçamentos, visitem sua sede, é crucial que você atualize periodicamente os contatos e deixe-os destacados na página.

Para se certificar que o visitante não desista de entrar em contato enquanto acessa o seu web site, inclua um telefone num cantinho visível em qualquer momento da navegação, ou produza uma página única com todas as informações de contato. Lembre-se de adicionar telefones, celulares, e-mails, mapas e horário de funcionamento da sede. Em seguida, adicione um botão de “Fale Conosco” no rodapé, por exemplo. Além disso, você pode “seguir” o cliente, oferecendo chamadas (landing pages) nas páginas que o cliente visitar após o acesso a sua página.

2. Formulários de contato

Os formulários de contato online, que os clientes preenchem no site caso precisem de mais informações sobre sua empresa, se transformam num banco de dados valioso, e podem servir como uma ferramenta de geração de leads. No entanto, muitas empresas estão se esquecendo desta dica.

3. Chat online

Os chats online funcionam como um método de conversão do visitante do web site para um cliente em potencial. A ferramenta possibilita o atendimento instantâneo para quem quer abrir um diálogo e deseja ser respondido naquele momento. No chat, um novo relacionamento é criado, podendo ser o início de um ciclo da compra. O mais importante aqui é manter o contato e o interesse de cliente após conversa iniciada.

4. Mídias Sociais

As mídias sociais são fundamentais no ambiente digital de negócios que vivemos hoje. Como é um ambiente dinâmico, os consumidores esperam conseguir uma comunicação rápida com as empresas por meio do Facebook, Twitter e Linkedin, Google Plus, por exemplo. Estes canais são excelentes plataformas para que os clientes saibam mais sobre seu negócio, produtos e serviços. Caso sua empresa ainda não esteja presente nas mídias sociais, é importante considerar a construção e manutenção dos perfis nas mídias sociais como uma prioridade entre os procedimentos regulares da empresa.

5. Vídeos

Com a inclusão de vídeos em seu site, você pode fortalecer a credibilidade da empresa e atrair visitantes que gostariam de um entendimento rápido e fácil sobre seus serviços ou produtos. Os vídeos, que devem apresentar-se por meio de produção profissional, se tornam uma oportunidade de apresentação do perfil de sua empresa. Uma ótima sacada é gravar vídeos com clientes satisfeitos, desta forma, você conta com uma terceira pessoa falando da experiência vivida com a empresa.

6. Conteúdo preciso e aprimorado

Evite enfiar muita informação em uma página só. Em vez de ser útil, a sobrecarga de informação não é efetiva. Se você tem dificuldades em dividir e editar o conteúdo da sua página, peça ajuda a um editor de texto. Na comunicação, menos é mais. É necessário saber colocar em poucas palavras a mensagem correta. Além disso, é também importante a manutenção dos textos do site e a remoção de informações antigas sobre produtos, serviços e funcionários.

7. Design moderno e simples

Deixe o design quadradinho para trás. Combinações de cores vibrantes, desenhos produzidos e outros elementos trabalhados mostram que sua empresa não ficou no passado. Se você mesmo não é um especialista de design para desenvolver estes materiais, existem vários serviços online que oferecem opções prontas de lay outs para web site e imagens corporativas, aproveite!

8. Logomarca profissional e pensada

Sua logomarca é uma das partes mais importantes da sua marca, por isso, certifique-se que ela está localizado de forma proeminente em seu web site. Use uma imagem de alta e considere mantê-la no canto superior esquerdo de todas as outras páginas. Uma regra de ouro aqui é vincular o logitipo a um link de retorno à página principal.

9. Funcionalidade intuitiva

É importante testar a navegação do seu site com olhos de usuário para sentir se a experiência está intuitiva e as informações estão disponíveis de forma clara. Quanto tempo a página está levando para carregar? Os links estão todos funcionando? A formatação está organizada? Por exemplo, embora o Flash possa criar uma experiência interessante, ele pode prejudicar a eficácia do seu site. Além disso, o Flash não tem exibição em alguns smartphones, o que tira seu negócio do forte mercado mobile.

10. Experiência mobile

Mais do que nunca, agora os consumidores pesquisam, tomam decisões e compram via mobile. Com isso, a necessidade de adequar seu web site para os sites móveis aumentou. Você já verificou como fica a navegação do web site do seu negócio nestes dispositivos? Caso seu site ainda não esteja disponível neste formato, pense já em como criar um site móvel para incrementar os contatos de clientes em potencial. Junto à tecnologia móvel, o ciclo de clientes em potencial e realização de compras deve passar por fortes mudanças ao longo dos próximos anos. Migre já!

Aproveite esta lista de pontos essenciais para fazer um check up na sua página e refletir sobre quais áreas estão precisando de uma atualização, ou mesmo uma remodelação completa para tranformá-la no maior gerador de negócios e oportunidades da sua empresa.

Bos sorte e bons negócios!

As cinco melhores dicas para transformar o cliente interessado em negócio fechado

As cinco melhores dicas para transformar o cliente interessado em negócio fechado

Quando o assunto é marketing online, o grande foco do trabalho é captar clientes interessados e colocá-los em contato direto com sua empresa. Falamos sobre a importância de ter uma forte presença focada no seu público-alvo, utilizar recursos de geolocalização, manter o site sempre atualizado, além de manter as páginas da empresa nas mídias sociais sempre atualizadas. Mas, em termos de negócios, o verdadeiro sucesso deve ser medido pela conversão do cliente interessado em negócio fechado.

Você pode estar fazendo tudo correto até aqui, mas a partir do telefonema, outra fase no andamento da negociação é iniciada. Por isso, a ReachLocal recomenda abaixo as cinco melhores ações para serem tomadas neste momento:

1. Responda as chamadas e ofereça informações adicionais

O primeiro e mais fácil passo para a geração de leads de sua campanha de marketing online é designar uma pessoa da equipe para o atendimento telefônico de forma pronta, rápida e eficiente. Treine este funcionário para que ele seja sempre prestativo, atencioso e educado ao telefone e desenvolva com ele técnicas de venda e persuasão. Ele precisa ainda estar super interado sobre os produtos, serviços e promoções da empresa.

2. Responda as mensagens de voz e e-mails prontamente

É fundamental que sua empresa tenha vários caminhos para o cliente interessado entrar em contato e receber as informações necessárias rapidamente. Para e-mails e formulários, a melhor dica é ter um sistema que retorne uma confirmação do recebimento da mensagem. A caixa de mensagens de voz deve ser constantemente conferida, quanto antes as mensagens forem respondidas, melhor. Para os contatos por escrito, as dicas de atendimento permanecem as mesmas – prontidão, respeito, cordialidade e conhecimento de todos os dados dos serviços e produtos.

3. Construa sua lista de contatos

Uma das coisas mais inteligentes que você pode fazer quando um cliente liga para sua empresa é adicioná-lo à lista de contatos da empresa. Se você estiver usando um sistema de e-mail marketing, solução de CRM, ou seu próprio banco de dados, sendo um cliente em potencial, você deve sempre ter algumas informações atualizada, como nome completo, e-mail, telefone e endereço, além dos produtos e serviços de interesse, a previsão para efetuar a compra e como ele ficou sabendo da sua empresa.

A simples ação de recolher estas informações pode ter um tremendo impacto no seu negócio. Isso significa que a qualquer momento, você vai poder voltar a oferecer produtos ou serviços para o cliente, bem como mantê-lo informado com dicas, ofertas, promoções, anúncios e muito mais. Ainda, saber como o cliente ficou sabendo da sua empresa, é importante para você avaliar a efetividade das suas campanhas de marketing.

4. Classifique os clientes e acompanhe os casos

É vital classificar o nível e o tipo de interesse dos clientes. Use as informações coletadas da sua lista para determinar em qual tipo de cliente ele se classifica – cliente de longo ou curto prazo, se ele está apenas pesquisando, qual o poder de compra, entre outros.

Uma vez que você tiver esta lista padronizada, é importante o atendimento caso a caso. Uma dica extra aqui é a manutenção do contato com os clientes de longo prazo – mantenha-os informados por meio de informativos, newsletters e contato telefônico esporádico.

5. Rastreie a origem

O mercado oferece hoje ferramentas confiáveis para o rastreamento, gravação e análise dos contatos telefônicos. Ative o rastreamento telefônico para todos os números estampados nas publicidades, seja online ou offline. Desta forma, você consegue medir quais peças estão de fato trazendo oportunidades para sua empresa. A análise de tráfego e conversão de sites irá ajudá-lo a entender a origem dos cliques.

Isso é essencial para determinar o seu ROI de marketing e melhorar todas as suas campanhas!
Sua empresa está aplicando todas estas táticas em prol de transformar clientes interessados em negócios?
Pense, analise, reveja e otimize a geração de negócios online de sua empresa!

Os 7 principais tipos de clientes nas mídias sociais e o que eles significam para seu negócio

Os 7 principais tipos de clientes nas mídias sociais e o que eles significam para seu negócio

Todas as empresas que fazem uso das mídias sociais aprendem rapidamente que existem muitos e diferentes perfis de pessoas que interagem com suas marcas. Independentemente de qual seja a plataforma usada, há grandes probabilidades que você se depare com sete principais tipos de clientes nas mídias sociais – este artigo explica quem são eles, o que eles querem do seu negócio e como tirar o melhor proveito disso. O Brasil conta hoje com 43 milhões de consumidores online, o que gerou em 2012 cerca de R$ 22,5 bilhões de acordo com os levantamentos do Google. Por isso, aproveite as dicas deste artigo e entenda como otimizar e expandir o envolvimento da sua marca com mais e mais usuários.

1. O cliente modelo

Ele realmente aprecia seu serviço e por isso, recomenda a sua marca pois tem boas experiências e identificação com ela. Quando você analisar o perfil e a timeline dele, você irá avaliá-lo como o seu mais típico cliente. Algumas marcas simplesmente são a “cara” de algumas pessoas e vice-versa. A melhor forma de fazer um bom uso deste cliente é manter um contato próximo, mandar periodicamente as novidades e pedir a ele que grave ou escreva um depoimento sobre como e porquê ele se identifica com a marca. Dica bônus: Este cliente DEVE fazer parte de seu programa de fidelidade!

2. O entusiasta

Este usuário apaixonado pelas mídias sociais usa muitas interjeições e se manifesta a respeito de tudo e de todos. Faça bom uso deste fã e coloque o holofote de sua marca bem em cima dele. Interaja com os seus perfis, compartilhe os conteúdos postados e curta suas fotos. Ele quer ser correspondido e atendendo às expectativas deste cliente fará com que ele se torne grande “Embaixador” de sua marca.

3. O caçador de bons negócios

Os clientes que estão em busca de ofertas exclusivas, cupons e eventos não são poucos – algumas pesquisas mostram que cerca de 58% dos usuários do Facebook esperam ter acesso a promoções e descontos depois interagirem com alguma página. Por isso, certifique-se que você está dando boas razões para este cliente permanecer em contato com você oferecendo boas ofertas e promoções. Dica bônus: oferecendo promoções via mídias sociais, você certamente irá aumentar o número de fãs e seguidores.

4. O seguidor silencioso

Este cliente pode ter dado um like no seu perfil no Facebook e seguir sua marca no Twitter, mas ele não se manifesta a respeito. Isso significa que seu canal talvez esteja precisando criar conteúdo com maior apelo usando mensagens que falem diretamente e ainda peça a interação do público, pedindo “retweets”, por exemplo. Bônus: no Facebook, quanto mais você engaja os seguidores, mais conteúdo da sua marca irá pipocar na “news feeds”.

5. O seguidor casual

Esta é a pessoa que ocasionalmente curte algo da sua página no Facebook ou retwitta um post. Ele gosta de seguir as novidades do seu negócio e replica o conteúdo para os amigos. Para obter mais envolvimento deste cliente, tente chamá-lo para ações, por exemplo, um salão e beleza teria a opção de postar fotos com as cores novas de esmalte disponíveis acompanhadas da mensagem “Compartilhe se você está louca por verde nesta primavera”. Por meio de mensagens que pedem resposta, você tem a chance de transformar o seguidor casual num fã que se expressa em nome da sua marca e potencializa a divulgação do seu negócio.

6. O cliente insatisfeito

É fato que mais e mais pessoas estão usando as mídias sociais como forma de manifestar publicamente suas insatisfações na esperança de conseguir atendimento imediato. Para minimizar o impacto negativo de clientes insatisfeitos, é importante ter um processo rápido de posicionamento e resposta. Além disso, responder publicamente mostra a todos os fãs que você coloca o cliente em primeiro lugar. Dica bônus: Crie um endereço de e-mail e uma linha de telefone dedicados para atendimento destes casos.

7. O usuário que reclama para a pessoa errada

Temos visto inúmeros casos de usuários que reclamam e culpam empresas e pessoas por casos que nem sempre estão direcionados às instituições devidamente responsáveis. Para que sua marca fique protegida de conturbadas manifestações políticas, ideológicas ou sociais, o melhor é se posicionar de forma distante e apartidária em casos polêmicos que não envolvam o nome da sua empresa.

Compreender seus usuários é a chave para ter acesso a um leque de oportunidades de negócios, ampliação de suas vendas e divulgação da sua marca. Conhecer o seu público é a melhor forma de conquistá-lo!

Dicas para ter um call to action eficiente no seu site

*Por José Geraldo Coscelli

Um call to action (CTA) eficiente é um dos componentes mais importantes da otimização do site ou da página de destino, porque é o que comunica ao visitante exatamente que ação tomar quando visitar o seu site. Então, como você pode criar um bom CTA? Conheça algumas dicas para aproveitar seu site.

Comece com a ação correta

O que você quer que novos visitantes façam quando estão no seu site ou na sua página de destino? Você quer que eles entrem em contato por telefone, por e-mail, cliquem em um link de uma página de oferta ou se inscrevam para receber um orçamento? Escolha o que é mais importante nessa interação do site com visitantes e foque no seu call to action. Por exemplo, muitas empresas de pequeno porte usam os telefonemas como seu principal CTA.

Não deixe o CTA confuso com diversas solicitações aos visitantes. Em vez disso, comece determinando seu principal objetivo para os novos visitantes e crie seu CTA em torno dessa mensagem.

Planeje para ter funcionalidade e formato

Dependendo da ação que você quer que os visitantes tomem, um call to action pode ter muitas formas diferentes. Pode ser um call-out com o texto enfatizando um número de telefone ou um formulário. Outra sugestão é utilizar uma frase em um botão que leva os visitantes para outra página ou abre um e-mail para iniciar o contato. Independente da escolha para o call to action, certifique-se de planejar a funcionalidade para ter a certeza de escolher para o formato e design apropriado para cada tipo de atividade.

Mantenha o call to action curto e simples

O CTA não é o lugar para ser inteligente, enigmático ou prolixo. Em vez disso, seja direto. Ao produzir conteúdo para o call to action, comece a frase com um verbo ativo. Use, por exemplo, termos como “Ligue”, “Consiga”, “Discuta” ou “Entre em contato”. Certifique-se de que a frase do call to action faça sentido no contexto da página, mantendo-o sempre simples e objetivo. Alguns exemplos de frases para CTAs incluem:
• Ligue agora
• Fale Conosco
• Obtenha um orçamento

Enfatize a importância do CTA

Seu call to action deve ser um componentes mais visíveis e enfatizados da sua página inicial ou página de destino. Ele deve estar no topo da página de modo para que seja uma das primeiras coisas que internauta vê. Outras ideias para ajudar a destacar seu call to action:
• Incorporando um design atraente que complementa o seu website;
• Usar uma cor que contraste com o fundo para atrair a atenção;
(Faça o call to action do tamanho suficiente para se destacar como importante, mantendo-o, claro, proporcional à página)
• Use fontes legíveis e fáceis de ler.

Seja consistente

É uma ótima ideia incluir um componente de design no call to action principal no cabeçalho para todas as páginas do seu site. Dessa forma, os visitantes sempre conseguem encontrar seu call to action principal em qualquer página do site. É importante manter o seu CTA consistente, tanto na redação, ação e design. A repetição pode ser uma ótima maneira de reforçar a sua mensagem e pode ajudar a aumentar as conversões em todo o site.

Próximos passos: otimizar seu site & Páginas de entrada (landing pages)
Um call to action eficaz é fundamental para ajudar a impulsionar as conversões do seu site. Mas apenas isso não é suficiente! É importante otimizar seu site e páginas de destino para conversões tendo certeza de que você está fazendo tudo para converter mais leads em clientes.

*José Geraldo Coscelli é presidente da ReachLocal para América Latina. A ReachLocal é líder mundial em soluções tecnológicas de marketing online, busca e rastreamento de clientes via internet.

Vá além com o Google Plus: dicas, truques e ampliação do seu negócio.

Vá além com o Google Plus: dicas, truques e ampliação do seu negócio.

Agora que você criou e iniciou a otimização do seu negócio na página do Google plus, como você pode usar essa mídia social para compartilhar conteúdos com ainda mais clientes e prospects? Com algumas dicas, atalhos e plugins, você pode aproveitar ao máximo a sua página. Aqui estão 12 dicas que o ajudarão a otimizar todos os aspectos da sua página do Google Plus.

Perfil/página

1- Otimize a página da sua empresa para o SEO.

Tenha certeza de que você está usando as palavras chave corretas na descrição do seu negócio e não se esqueça de fazer um texto curto. Faça uma descrição de uma linha para aparecer abaixo do seu nome em seu perfil. Isso é essencial para a meta descrição da sua página aparecer sempre que alguém passar o mouse sobre o nome da sua empresa no feed do Google Plus.

2- Faça alguma coisa criativa com suas fotos.

Pelas imagens na página do seu Google Plus serem estáticas, você pode usar isso para fazer um pouco de marketing criativo para o seu negócio. Por exemplo, você pode ver páginas de grandes marcas como Pepsi e Chevrolet que tem criado cenas multi-imagens panorâmicas, ou a Fox News, que usa isso no seu perfil para mostrar seus apresentadores. Além disso, você pode trocar a imagem do seu perfil com frequência para que você tenha sempre uma página atualizada.

3- Crie um domínio especifico para seu material de marketing.

O domínio da sua página é um pouco longo e difícil de lembrar com todos esses números aleatórios. Você pode entrar no gplus.to para criar um domínio especifico que possa ser encurtado para usar em matérias de marketing como cartões postais e e-mails. Não só um link encurtado com o nome da empresa parece mais profissional, mas também é fácil para clientes e prospects se lembrarem de você.

4- Edite ou incremente um post existente

Você cometeu um erro ortográfico ou incluiu o status errado? Não tem problema – você pode facilmente consertar isso com a opção de editar que está do lado direito do seu post. Isso é também uma ótima característica se você quer colocar um conteúdo adicional em algum post que já foi para o ar. E quando você salvar as alterações, elas vão aparecer automaticamente no post que você compartilhou com seus círculos.

5- Compartilhe o post via Facebook, Twitter, Linkedin e outras mídias sociais.

Google Plus não inclui nativamente uma maneira de compartilhar suas mensagens diretamente para outras mídias sociais. Mas se você usa o Google Chrome como navegador, você pode baixar um plugin chamado “share” que permite compartilhar mensagens do Google Plus para seu Facebook, Twitter e outras mídias sociais a partir do seu feed. Uma vez que você baixa o plugin, você verá o comando “share on” abaixo de cada post com as opções que você pode selecionar.

Tenha seu público em mente antes de compartilhar seu post e pergunte a si mesmo se faz sentido dividir seu post em diferentes plataformas. Por exemplo, você pode compartilhar um post que você escreveu no seu Google+ com seu público no Twitter ou no Facebook, mas se você está compartilhando um link para um artigo ou recurso, você pode simplesmente compartilhar isso diretamente em cada site.

6-Faça publicações com uma formatação básica.

Suas postagens no Google Plus parecem um pouco sem graça? Você pode anima-las com um pouco de formatação básica. Com apenas alguns cliques, você pode adicionar negrito, itálico e sublinhar uma palavra ou frase. Esses atalhos permitem que você adicione rapidamente conteúdos como notícias ou te ajudam a enfatizar certas palavras ou frases, dando as suas mensagens do Google Plus um pouco mais de visibilidade.

7- Compartilhe um post privado com alguém.

Ao contrário do Facebook e Twitter, o Google + não tem um recurso de mensagem privada. Mas, você pode enviar a alguém uma mensagem privada simplesmente adicionando “+ e o nome do contato” para direcionar a mensagem apenas para uma pessoa com a qual você deseja compartilhar seu post. E desde que você não compartilhe com o público, este post não vai aparecer no perfil do seu G+.

Da mesma forma, você pode compartilhar o conteúdo com você mesmo adicionando seu perfil a um círculo existente, ou criando um círculo apenas para você. Ele funciona como se você fosse enviar um e-mail para você mesmo; por exemplo, você pode elaborar um post ou fazer uma nota rápida, compartilhar o post só com você, e então voltar mais tarde para editar o post é compartilhar com seus círculos.

8 – Notificações

Desative notificações por e-mail. Por padrão, o Google vai enviar por e-mail todas as notificações referentes à sua conta. Se alguém compartilhar um post com você, adicionar você a um círculo, ou apenas faz um comentário depois que você fez alguma postagem. Para desativar ou modificar as suas notificações de e-mail, vá em configurações do Google +. Em seguida, selecione Google + à esquerda do seu navegador e role para baixo até ver a opção “receber notificações” onde você pode desmarcar as notificações que você não deseja receber.

A sua conta de e-mail vai agradecer – mas não deixe de conferir seu Google + com frequência para ver todos os novos conteúdos e seguidores.

9- Silencie uma notificação específica.

Se você simplesmente quer parar de receber notificações sobre um determinado post, você pode silenciar essa determinada discussão do seu feed de notícias, assim você não vai mais ver os comentários referentes a esse post. Sob sua página de notificações, vá até a mensagem que você queira silenciar. Em seguida, clique na seta à direita do post e selecione “silenciar este post”.

10- Veja as notificações no Google Chrome.

Outro grande plugin do Google Plus para o Chrome é o “Unread Count” ele funciona muito bem se você desativa a opção de notificação por e-mail. Ele coloca um marcador direto no seu navegador ao lado da sua barra de pesquisa, para que você possa sempre visualizar quantas notificações você tem, não importa o que você está fazendo. Você pode ir até a Web Store do Chrome, lá você vai achar uma série de outros plugins do Google Plus que podem ajudá-lo a conquistar mais negócios e bombar a sua marca.

Gerenciamento

11- Gerencie múltiplas contas no G+.

Agora que você tem tanto a conta pessoal quanto à corporativa do Google Plus, é necessário ter a capacidade de ficar alternando entre eles para poder atualizar seu conteúdo pessoal e seu conteúdo corporativo sem ter que sair de uma conta e entrar em outra.

Para gerenciar sua conta corporativa do Google Plus através de sua conta pessoal, na parte superior da barra lateral esquerda da página inicial a foto do seu perfil e o ícone da sua página corporativa. Selecione a seta para baixo e escolha o ícone da sua página corporativa para gerenciar essa conta. Se você quiser voltar, faça a mesma coisa e selecione sua página pessoal.

12- Gerencie sua conta a partir de um dispositivo móvel.

Se você ainda não faz isso, certifique-se de adicionar o aplicativo do G+ para seu iPhone, Ipad, Android ou outro Smartphone ou tablet. Isso permite que você consiga ver todo o conteúdo e feed de notícias, além de poderá atualizar seu status a qualquer hora, mesmo quando você estiver na rua.

10 maneiras de diversificar seu marketing online

10 maneiras de diversificar seu marketing online

Você provavelmente já usa o marketing online para enviar algum tipo de mensagem para o seu público-alvo. Mas conforme o consumo online continua crescendo e os canais para compra se multiplicando, seu negócio deve incorporar uma grande variedade de estratégias de marketing online a fim de alcançar os consumidores em qualquer lugar que eles façam buscas, naveguem ou socializem na internet. Aqui estão 10 caminhos fáceis para diversificar seu marketing online a fim de otimizar sua presença em toda web.

1- Combine publicidade com SEO

Estudos mostram que rodar campanhas de links patrocinados junto com uma estratégia de SEO podem aumentar os cliques em seu site. Então se você está usando apenas um dessas táticas de busca, você está perdendo visitas no site de potenciais consumidores.

2 – Crie um canal no Youtube e adicione novos vídeos

Criar e fazer upload de vídeos para o Youtube permite você ser achado nas pesquisas com mais facilidade. E uma vez que o Youtube é um produto do Google, postar seus vídeos pode fazer uma boa diferença nos resultados de busca. Com mais de 4 bilhões de vídeos vistos por dia, a plataforma de vídeo é uma das formas de mídia online mais consumidas. Além disso, os vídeos vêm sendo usados para aumentar o tempo em que os consumidores navegam nos sites e assim aumentando a probabilidade de compra.

3 – Crie um blog para sua empresa

Crie uma plataforma para contar a história da marca, e aplique estratégias de marketing de conteúdo para ajudar você a adquirir maior visibilidade, conquistar novos consumidores, gerar leads e aumentar a lealdade dos seus clientes. Um blog empresarial é um bom caminho para mostrar a sua experiência no setor, compartilhe dicas úteis, aumente o envolvimento das pessoas e muito mais. E usar uma boa estratégia de SEO vai ajudar no ranking de busca. Além disso, compartilhas as portagens do blog em suas mídias sociais podem ajudar você a melhorar seu engajamento e ajuda no boca a boca com seus fãs e seguidores.

4 – Potencialize sua presença com infográficos criativos

Usar infográficos em seu marketing pode ajudar a aumentar o engajamento e o compartilhamento social com seu público no blog ou nas mídias sociais. Criar um infográfico do zero pode ser uma tarefa difícil, mas você pode facilitar aproveitando os infográficos existentes (só lembre-se de citar a fonte original) ou use um aplicativo como o wordle ou visual.ly(coloca o hiperlink para esses sites) para criar um infográfico customizado sobre seu negócio.

5 – Redirecione os visitantes do seu site

Retargeting ou remarketing é uma forma de atingir os visitantes do seu site que não foram convertidos e conduzí-los de volta com um custo x benefício muito bom. Como essa técnica tem como alvo consumidores que já mostraram interesse em seu negócio através do acesso ao seu site, o remarketing pode elevar as conversões em seu site, aumentando seus esforços no marketing online.

6 – Alavanque sua visibilidade com os anúncios de Display

Outro caminho para impulsionar seus esforços com publicidade é a Rede de Display. Essa técnica de divulgação alcança os consumidores onde eles passam a maior parte do seu tempo – acessando em sites – construindo um reconhecimento da marca para uma grande quantidade de consumidores que pode não estar ativamente procurando pelo seu negócio.

7 – Incorpore o mobile no seu marketing

3 em cada 10 pessoas no Brasil usam o Smartphone, com isso, as pesquisas realizadas em dispositivos móveis de produtos e serviços locais aumentam a cada dia. Por isso, faz sentido ter um plano de marketing exclusivo para atingir os consumidores do universo mobile. Algumas opções de ações para marketing mobile são: mobile- o SMS marketing, busca móvel, propagandas de Display, QR codes, marketing em mídias sociais e outras.

8 – Crie um FoursquareSpecial

Para atrair e engajar consumidores locais na sua região considere entrar no Foursquare e fazer ações que possam beneficiar o cliente que reside na sua região. Oferecendo descontos para novos e antigos consumidores e divulgar essas ações na internet. Com isso você pode aumentar sua receita e gerar novos consumidores para seu negócio.

9 – Crie uma página profissional no Google+

Você já pode ter perfis profissionais em sites de mídias sociais mais famosas como o Facebook e Twitter, mas você também pode criar uma página profissional no Google plus para iniciar o compartilhamento de conteúdo.

10 – Coloque seu negócio no Pinterest

Em 2012, o Pinterest já contava com 23 milhões de usuários no mundo, com crescimento de 75% entre Janeiro a setembro daquele ano esses números só cresceram desde então. Além disso, os usuários que acessam um site através do Pinterest compram certa de 27% mais do que aqueles que vêm do Facebook. Devido ao seu design, conteúdo e acessibilidade, o Pinterest tornou-se um local viciante, onde os usuários passam 98 minutos por mês. Isso torna um espaço de primeira qualidade online para que você alcance nas redes sociais pessoas que mostram interesse nos mesmos tipos de produtos e serviços que você oferece.

Incorporar todas as estratégias ao seu plano de marketing pode não ser viável para sua empresa, por isso, é importante entender quem é o seu público-alvo e qual o tipo de ação de marketing ideal para eles. Em seguida, adicione alguns desses métodos em seu plano de marketing para poder otimizar sua presença na web e aumentar os resultados dos seus esforços no marketing online.

O que o seu atendimento diz sobre a sua empresa

O que o seu atendimento diz sobre a sua empresa

O modo como você trata seu cliente pode dizer muito sobre seu negócio e ajuda no boca a boca. Geralmente, é uma boa estratégia de atendimento aos clientes que os fazem comprar novamente e contar para os outros sobre você. Então, o que você quer que seu atendimento ao cliente diga sobre você?

Seja um bom ouvinte:

Os clientes gostam de ver que você está interessando no que eles têm a dizer, sejam coisas boas ou ruins. É vital para a sua estratégia de atendimento estabelecer pesquisas de satisfação do cliente, analisar as menções de sua empresa nas redes sociais, ver as críticas em sites e até mesmo consultar seus funcionários para saber o que seus clientes estão dizendo.

Leve os comentários a sério e se houver alguma reclamação legítima, responda o quanto antes, seja online ou offline. Mas tão importante quanto lidar com as queixas é aprender com os próprios erros. Assim você pode melhorar o atendimento ao cliente nos pontos falhos. Uma vez que você realmente resolve os problemas e não apenas os responde, você vai se surpreender de como os comentários sobre a sua empresa serão positivos.

Você se preocupa com seus clientes?

A verdade é que os consumidores procuram saber se há uma pessoa responsável pelo relacionamento com o cliente no seu negócio, e se você está investindo em melhorar o seu relacionamento com eles. Portanto, é muito importante você se esforçar ao máximo para tratar seus clientes assim como você trataria seus amigos. Um passo importante é atender seu cliente da forma mais amigável possível quando ele ligar ou visitar sua loja e tenha certeza que seus funcionários farão o mesmo.

Além disso, faça um atendimento personalizado, bem como retornar o contato quando eles ligam ou falar com o cliente para saber se está tudo correto após uma compra recente. Enviar um e-mail personalizado, um cartão postal ou fazer uma ligação pode ser o suficiente para que você consiga fidelizar esse cliente e fazer com que ele compre novamente com você além de falar muito bem de você em para outras pessoas.

Foque em seus empregados:

Às vezes, um bom atendimento ao cliente começa pelos seus funcionários. Veja a Southwest Airlines: sua filosofia de atendimento gira em torno de vender uma imagem de empresa divertida, bem preparada e com funcionários de ótima postura. Mas você não pode confiar que seus empregados vão sempre oferecer um ótimo atendimento ao seu cliente a menos que você tenha as ferramentas certas para isso.

Prepare sua equipe com o treinamento correto e esclareça sua política de atendimento para garantir que eles tenham todas as ferramentas necessárias para realizar o atendimento da melhor maneira possível. Ensine-os a como cumprimentar seus clientes pessoalmente ou por telefone, como lidar com problemas de clientes insatisfeitos ou irritados. Forneça incentivos para manter seu serviço excelente e monitore seus funcionários com frequência. Mesmo se você tiver uma política de atendimento bem estruturada, às vezes seus funcionários podem comprometer o seu atendimento ao cliente.

Seja socialmente acessível:

Não é nenhum segredo que as mídias sociais se tornaram um veículo muito importante para falar sobre o atendimento ao consumidor. É fundamental estar disponível para os seus clientes nas mídias sociais, a fim de desenvolver uma boa relação com eles. É por isso que as PME’s deveriam adotar o uso das mídias sociais como estratégia, facilitando o contato direto com os clientes, descobrindo questões operacionais e resolvendo problemas antes que eles se tornem irreversíveis.

Por serem mais acessíveis, as mídias sociais é o lugar onde os clientes passam bastante tempo navegando, sendo assim você pode estimula-los a falar bem do seu serviço criando uma boa reputação para o seu negócio.

 

Como você já sabe o atendimento ao cliente tem uma importância muito grande. Ao oferecer um serviço de boa qualidade, você pode fazer seus consumidores falarem sobre você em seu circulo social, facilitando o boca a boca e até mesmo reduzindo a necessidade de publicidade tradicional.

 

Melhores Práticas para anúncios de texto: 5 táticas para fazer com que os clientes cliquem no seu anúncio

Melhores Práticas para anúncios de texto: 5 táticas para fazer com que os clientes cliquem no seu anúncio

Quando se trata desse assunto, o sucesso do marketing on-line é medido pela quantidade de leads que você recebe através de seus esforços. Seja fazendo links patrocinados, displays ou marketing em redes sociais, conseguir fazer com que os consumidores online cliquem no seu site é o primeiro passo para a obtenção de mais ligações. Para te dar alguma noção das melhores práticas de anúncio de texto, nós criamos um guia rápido com estratégias de o que fazer para que os clientes cliquem em seu anúncio.

O seu anúncio não só permite que você mire os consumidores certos, mas também permite que os consumidores escolham a empresa certa. Ao escrever um anúncio eficaz, você fará com que os consumidores que estiverem procurando um serviço como entrem no seu site.

1 Tenha como alvo um produto ou serviço específico.

Você tem pouco espaço para anunciar, então, faça tudo para torná-lo o mais específico possível! Anúncios que não incluem um produto específico ou o serviço oferecido são muitas vezes ignorados quando os consumidores não vêem exatamente o que estão procurando.

Se você tem vários produtos ou serviços diferentes para promover você pode criar grupos de anúncios separados para fornecer a quem procura o texto mais relevante o possível. Por exemplo, uma desentupidora pode direcionar palavras-chave relacionadas a vazamentos no encanamento em um anúncio específico, e palavras-chave relacionadas com entupimento de pia para outro. E não se esqueça que em seu site deve constar todos os serviços mencionados no seu anúncio.

2 Apresente-se.

Antes de clicar no seu anúncio, os consumidores precisam saber quem você é e de onde você é. Inclua o nome da sua empresa (no texto de anúncio ou URL), sua localização ou área de serviço, isso levará mais consumidores a clicar em seus anúncios. Você também pode incluir todas as áreas de especialidade, como ” reparos no encanamento”, para impulsionar ainda mais cliques direcionados.

3 Transmita a sua maior vantagem.

Seu benefício é a única coisa que diferencia o seu anúncio de todos os outros na página de busca. O benefício pode ser um serviço diferenciado, como “serviço no mesmo dia”, ou uma oferta única, como uma “TV pela metade do preço”. Você pode até mesmo rever os anúncios de seus concorrentes para ajudá-lo a diferenciar de forma mais eficaz o seu benefício do deles. Ofertas especiais ou descontos também podem ajudar a impulsionar um maior volume de cliques, basta lembrar que eles devem ser destaque em sua página de destino!

4 Adicionar um forte apelo à ação.

Por último, você deve deixar que os consumidores saibam exatamente o que você quer que eles façam depois de ler seu anúncio, desse modo incluir uma chamada direta para a ação, como “Clique agora e veja as ofertas do dia”. Ao dar aos consumidores uma razão para agir, eles estarão mais propensos a visitar o seu site.

5 Use anúncios dinâmicos, sempre que possível.

Ao criar seus anúncios de texto, sempre escreva focando um alvo, mas certifique-se de usar os anúncios dinâmicos, como inserção dinâmica de palavra chave (Google Dynamic Keyword Insertion”),sempre que possível. Anúncios dinâmicos alteram o texto dentro do anúncio para coincidir com a palavra-chave que o consumidor digitou na ferramenta de busca. Isso ajuda a atrair mais pessoas para o seu anúncio, pois a palavra-chave será exibida em negrito dentro do texto e corresponder exatamente ao que o consumidor está procurando.

Você já teve anúncios que tiveram melhor desempenho do que outros? Você foi capaz de identificar alguma prática de anúncio melhor do que a sua própria? Deixe-nos saber nos comentários.