Canais de marketing digital: saiba como obter os melhores resultados

A internet definitivamente acabou com as barreiras físicas que tinham o mercado como um todo. Antes da conectividade, as empresas eram limitadas ao público da região em que estavam instaladas. Já para os consumidores, as opções eram poucas, uma vez que eles tinham que ir até o estabelecimento físico para concluir a compra.

Junto à internet surgiram diferentes canais de marketing digital. Com isso, as marcas puderam criar estratégias focadas em cada meio de comunicação. No entanto, engana-se quem acha que basta tomar as mesmas ações em cada canal. Eles têm comportamentos diferentes e é preciso conhecê-los para buscar melhores resultados.

Por isso, criamos este conteúdo bem completo em que mostraremos quais são os melhores canais de marketing digital, a importância deles para as estratégias, boas práticas de utilização e ainda a importância de um sistema integrado. Acompanhe e tenha uma boa leitura!

Conheça os canais de marketing digital

Atualmente existem vários canais de marketing digital. Antes deles, com o marketing offline, as estratégias eram caras e com público limitado. Além disso, a experiência gerada aos clientes não era tão agradável, uma vez que se tornavam invasivas e interruptivas.

Propagandas na televisão, rádio, revistas e panfletos são alguns exemplos do marketing offline. É claro que essas ações não desaparecem e nem vão! Elas apresentam sim vários benefícios, mas é necessário entender as limitações e saber trabalhar com o que há de melhor agora: os canais de marketing digital!

Acompanhe quais são os principais canais, a seguir:

Redes sociais

As redes sociais são ótimos exemplos desses canais. Elas podem aproximar a marca de seu público, possibilitar que os produtos e serviços sejam apresentados no mercado, conhecer mais o comportamento dos consumidores, acompanhar a aceitação das soluções e, claro, verificar o que anda fazendo a concorrência.

No entanto, mesmo nas redes sociais não podemos generalizar o comportamento que as empresas devem manter. O Facebook, por exemplo, é uma rede em que as empresas podem postar uma gama de conteúdos, desde textos, vídeos, imagens ou publicar produtos para venda.

Já no Instagram as marcas são estimuladas a explorar os efeitos visuais, com imagens e vídeos curtos. O engajamento é ótimo e você pode demonstrar os diferenciais dos seus produtos. A dica é apostar na qualidade das imagens para chamar a atenção dos usuários.

O Twitter é uma rede social mais focada na comunicação direta. As mensagens são construídas com texto curto e a dinâmica é bem alta, permitindo mais conteúdos sendo postados.

Enquanto isso, o LinkedIn foca totalmente nas empresas, em perfis corporativos. As organizações exploram esse ambiente para buscar novos negócios e resultados. Os profissionais também usam a rede para alcançar novas oportunidades e também conhecimento.

Por isso, é preciso alinhar bem os perfis nas redes sociais, conhecendo o público e também as características da rede. 

E-mail marketing

O e-mail marketing é outro canal de marketing digital muito utilizado pelas empresas. Alguns gestores não acreditam no poder dessa estratégia, acreditando que se trata de uma ação invasiva, mas não pense assim.

Não estamos falando de enviar spam para o público, mas sim conteúdos relevantes, que agreguem valor aos contatos. Isso permite uma aproximação com a marca e que ela mantenha o público sempre atualizado com o que anda fazendo e apresentando ao mercado.

Busca orgânica

Quando você precisa encontrar alguma informação na internet, como uma consulta de preços e disponibilidade de um produto, como faz essa pesquisa? Normalmente, as pessoas utilizam o Google ou outros buscadores para encontrar as respostas. Então, nada mais interessante para as empresas do que aparecer entre as primeiras posições no ranking de respostas!

A busca orgânica (não paga) é realmente uma fonte de renda para as organizações. Afinal, uma grande parcela do tráfego no site é oriunda desse tipo de busca.

Para ter bons resultados é fundamental ranquear bem, estar nas primeiras opções. Para isso, é preciso investir no trabalho de SEO, ou Search Engine Optimization. Traduzido ao português, podemos chamar de Otimização para a Busca Orgânica.

Esse conjunto de técnicas incluem a criação de páginas responsivas, uso de links internos e externos, adequação dos endereços eletrônicos, otimização das imagens, cuidado com o tempo de carregamento das páginas, entre outras ações.

Referências

Assim como a busca orgânica leva um número considerável de tráfego aos sites, as referências também conseguem esse efeito.

A ideia é que diferentes sites e páginas direcionem pessoas para os seus canais de marketing digital, como o site, redes sociais ou outros. Esse direcionamento pode ser feito a partir de parcerias e acordos.

Os influenciadores digitais fazem essa ação muito bem. Eles são pessoas reconhecidas por um grande público e conseguem atingir uma alta taxa de engajamento. Assim, podem alavancar o conhecimento de uma marca ou mesmo as vendas, de forma direta, bem rapidamente.

Mídia paga

Outra solução encontrada para buscar melhores resultados é investir em mídia paga. Quando se faz uma pesquisa no Google os primeiros resultados mostrados pertencem à mídia paga e são acompanhados com a tag de anúncio. Depois deles estão as respostas da busca orgânica.

Então, você pode utilizar a mídia paga nos buscadores. Além deles, as redes sociais também permitem esse investimento. Com valores sendo aplicados você destaca anúncios e consegue atingir um grande número de público.

A conversão nesse tipo de mídia deve ser sempre controlada, uma vez que se trata de um investimento direto e, se não for bem realizado, pode acabar sendo um desperdício de verba e também de oportunidade, já que, se bem trabalhado, pode gerar ótimas vendas.

Saiba utilizar diferentes canais de marketing digital na sua estratégia

No tópico anterior você conheceu os principais canais de marketing digital. Eles podem levar qualquer empresa ao topo das vendas, mas para isso é necessário saber utilizar bem cada um deles, e é sobre isso que falaremos agora.

A primeira coisa que você deve saber é que não precisa escolher apenas um canal para explorar. Você e sua equipe podem utilizar aqueles que se mostram interessantes, todos ou só alguns deles.

O que determina as estratégias que você deve traçar são as características do seu público-alvo e o seu objetivo.

Por exemplo, se ao fazer um estudo com seu público, você identifica que ele utiliza bastante as redes sociais, mais especificamente o Instagram, por exemplo, é fato que explorar esse canal é uma boa oportunidade. No entanto, se na mesma pesquisa você viu que o Twitter praticamente não é utilizado, que não faz parte do perfil dos seus consumidores, não faz sentido gastar seu tempo e recursos com essa mídia.

Além dos canais, verifique as características gerais do público, tais como o tipo de linguagem, os assuntos mais buscados e comentados.

5 dicas para obter resultados em diferentes canais de marketing digital

Agora, conheça as melhores dicas para você obter resultados em diferentes canais de marketing digital:

1. Faça uma boa segmentação do público nas mídias pagas

Independente das estratégias, seu investimento financeiro e de tempo são muito importantes e, por isso, devem ser feitos com cuidado. Seja nas redes sociais, na rede de pesquisa, display ou qualquer outro formato, seus anúncios devem ser direcionados para o público certo.

Para isso, criar uma boa segmentação é fundamental. A segmentação do público-alvo deve ser feita com as características do seu cliente ideal. Se a empresa já tiver personas definidas, melhor ainda. Se não tiver, é bom fazer!

Criar um anúncio e selecionar o público geral, sem qualquer definição, faz com que você invista em pessoas que não têm interesse ou condições de virarem seus clientes, o que é um grande desperdício.

Imagine uma loja física que cria um anúncio e faz a divulgação para todo o Brasil. No entanto, a loja fica em São Paulo. Pessoas de outros estados e cidades não visitarão o estabelecimento, então não faz muito sentido impulsionar esses anúncios para elas.

2. Monitore todos os resultados e métricas

Para conseguir alcançar bons resultados é importante que você defina indicadores de desempenho para manter um acompanhamento constante, na busca de otimização. Os KPIs — Key Performance Indicators — representam esses indicadores. Por exemplo, se você deseja levar mais pessoas até o seu site, o tráfego deve ser mensurado constantemente. Nesse caso, ele é o seu KPI.

Nos canais de marketing digital existem diversos KPIs que você pode trabalhar, como o alcance de uma publicação nas redes sociais, as interações que as campanhas recebem, a taxa de conversão de uma mídia paga, a taxa de abertura do e-mail marketing, entre outros.

Para definir os indicadores de desempenho mais indicados para o controle, o primeiro passo é identificar o seu objetivo. Seu KPI só terá uma boa relevância se ele ajudar a explicar como o seu objetivo está sendo ou não alcançado. Isso evita que você monitore outros dados que não ajudam a alcançar as metas, evitando gastar tempo e recursos com o que não é interessante naquele momento.

3. Avalie a performance de cada um dos canais de marketing digital

Qual dos seus canais de marketing digital está apresentando a melhor performance? Qual deles não está sendo tão bem aproveitado? Essas questões são importantes para você definir as prioridades dentro da sua estratégia. É claro que o melhor seria se todos os canais estivessem desempenhando o melhor possível, mas isso pode não ocorrer por vários motivos, como foco e também preferência do público.

Então, mesmo que você esteja trabalhando com uma variação grande de canais, é interessante que mantenha uma avaliação individualizada, entendendo o desempenho de cada um separado.

Com esse conhecimento você pode analisar os melhores destinos para os seus investimentos financeiros e a finalidade esperada de cada canal.

4. Nunca se esqueça de um canal utilizado

Você seguiu as dicas anteriores, monitora os resultados, avalia os canais de marketing digital individualmente, com os indicadores de desempenho definidos, mas até por isso tudo, não pode se esquecer de qualquer um dos canais!

É comum ver empresas que, na busca por melhores resultados, abrem diversos perfis nas redes sociais, por exemplo. Criam páginas no Facebook, LinkedIn, Instagram, Twitter, YouTube e diversas outras, mas no momento de gerenciar, falham na grande maioria, quando não é em todas, deixando-as desatualizadas.

Para evitar isso, certifique-se de estar investindo nos canais que realmente são relevantes para o seu público, senão não vale a pena o esforço. Uma vez que escolheu o canal, dedique-se a ele.

5. Busque a integração dos canais

É muito importante que você busque a integração entre os canais de marketing digital. Isso impulsiona os seus resultados e gera uma melhor experiência para o seu público-alvo.

Muitas empresas estão fazendo esse trabalho de integração com muito sucesso. Você assiste uma propaganda na televisão que indica as redes sociais da empresa. Nas redes sociais, o usuário acaba conhecendo o site. Ele se interesse pelo conteúdo e cadastra o e-mail. Então, começa a receber materiais exclusivos dentro da estratégia de Inbound Marketing e fecha a compra.

Ou seja, você utilizou diversos pontos de interação para gerar uma experiência completa e agradável, direcionando o potencial cliente até a finalização da compra.

Esse trabalho também é conhecido com o conceito de omnichannel, que consiste exatamente em criar vários canais de comunicação e utilizá-los de forma integrada, fazendo com que o cliente possa transitar entre diferentes meios sem sentir qualquer variação na qualidade.

Entenda a importância de um sistema integrado para os canais de marketing digital

Ao longo deste conteúdo você pode conhecer diversos canais de marketing digital, a importância que cada um tem para uma estratégia maior, os resultados que eles podem gerar para as empresas e ainda dicas de utilização. Porém, você pode estar imaginando que gerir todos esses canais é trabalhoso. Para ser bem sincero, pode ser sim!

Como já falamos no tópico anterior, não adianta simplesmente abrir canais de comunicação e não manter uma atualização constante. Isso pode ser até prejudicial. Imagina um cliente seu, enviando uma mensagem nas redes sociais, externando uma reclamação de um de seus produtos, e você simplesmente não responde porque não visualizou. Isso, além de irritar e frustrar esse cliente, pode afastar diversos outros potenciais, que verão que a sua empresa não se preocupa tanto com o público.

Para que esse tipo de problema não aconteça, o mais indicado é contar com um sistema integrado para os canais de marketing digital. Com uma solução desse tipo, pequenas, médias e grandes empresas podem explorar todos os efeitos e resultados do marketing, sem que isso demande uma grande equipe ou conhecimento profundo.

Veja, a seguir, alguns tópicos que um sistema de marketing integrado é capaz de lhe ajudar:

Presença na internet

Da mesma forma com que a localização de uma loja física é essencial para o seu sucesso, a presença online é determinante! Para isso, é preciso ter um site que demonstre confiança e qualidade, oferecendo uma boa qualidade de navegação ao público.

Um dos pilares para isso é ser responsivo. Ou seja, o site deve se adequar à tela de qualquer dispositivo usado, seja um computador desktop ou um celular.

Outro ponto é a otimização do site para a busca orgânica, com as técnicas de SEO, ou Search Engine Optimization. Direcionamento de links, conteúdo relevante no site, uso das palavras-chave de forma estratégica, criação de URL amigável e outras técnicas podem colocar as suas páginas no topo da busca orgânica.

Gestão de clientes e contatos

Com o sistema integrado você pode gerir melhor os seus leads gerados em qualquer um dos canais de marketing digital. Eles nunca ficaram esquecidos ou sem contato. Você pode segmentá-los da forma que achar melhor, de maneira estratégica. Ainda pode criar anotações e agendas follow-ups para entender melhor as demandas e necessidades.

A automação de marketing também é um ponto possível e trabalhado no sistema de integração. Atualmente, estamos vendo um grande movimento das empresas na busca de ferramentas inteligentes que ajudam na gestão dos contatos, e esse é o nosso caso!

Graças aos avanços da tecnologia, as ferramentas estão cada vez mais inteligentes e interativas, gerando bons resultados. Esses conceitos são trabalhados com o machine learning e inteligência artificial.

Você não precisa mais enviar um e-mail individual para cada um de seus contatos. Imagine a sua empresa com 5.000 leads, tendo que criar e enviar um e-mail para cada, respondendo as solicitações! Isso geraria uma demanda enorme de colaboradores, um alto custo! Com o sistema você pode fazer tudo isso de forma automatizada e simples!

É possível criar os e-mails e deixá-los prontos para serem enviados aos seus potenciais clientes, no momento certo! Além disso, pode criar alertas para que o seu time de vendas consiga agir no momento mais adequado para a conversão.

Por fim, o nosso sistema de marketing integrado gera um relatório bem completo de como estão desempenhando os seus canais de marketing digital. Você saberá como cada um deles está gerando leads, convertendo em vendas, consumindo mais recursos e apresentando um melhor rendimento. Assim pode tomar decisões estratégicas e baseadas em resultados, não mais em achismos e crenças.

Criação de anúncios online

A criação de links patrocinados nos buscadores também aumenta o tráfego no site e pode levar a um bom número de conversões, com uma boa relação de retorno sobre investimento.

O ReachEdge, nossa solução em sistema de marketing integrado, consegue fazer com que seus anúncios apareçam no topo de sites de referência, como Google, no Google Adwords, Bing e Yahoo!.

Lembrando que temos o selo de Parceiro Premium com o Google, o que faz com que nós tenhamos acesso antecipado às principais novidades lançadas, podendo sair na frente da concorrência, disponibilizando esses recursos para os nossos clientes.

Os anúncios no Facebook também são muito interessantes, com uma ótima relação entre custo e benefício. Com a nossa solução os anúncios serão direcionados para uma audiência mais qualificada, com maior probabilidade de conversão. Tudo isso será feito dentro do seu orçamento e metas, sem que isso prejudique o seu orçamento e fuja do controle.

Outra interessante solução apresentada é a campanha de retargeting, trazendo potenciais clientes que ainda não converteram para o seu ambiente online. Afinal, não é todo visitante que está preparado para comprar na primeira visita. Ele pode visualizar seu site, avaliar os produtos e simplesmente sair. Então, a campanha de retargeting foca nesses potenciais clientes que já demonstraram o interesse na compra.

Você já ouviu falar em anúncios na rede de display? Essa solução é outro canal de marketing digital. São colocados banners de seus produtos ou serviços em sites relacionados, que carregam uma audiência que pode ter o interesse no seu negócio. Isso aumenta bastante o tráfego no site, mas como é uma mídia paga, precisa ter atenção para não gastar dinheiro à toa.

O sistema integrado promete direcionar melhor os seus recursos na rede de display, avaliando os melhores destinos e como esses anúncios devem estar dispostos. Assim, mais resultados são gerados com o investimento que você tem disponível.

Por fim, uma das ferramentas mais interessantes dentro do nosso leque de opções é o e-mail remarketing. O sistema consegue identificar os visitantes do seu site que não se cadastraram em um formulário, como a newsletter ou uma landing page. Então, são criados e-mails personalizados para essas pessoas, fazendo com que elas retornem para o site. Essa aplicação consegue retornar até 25% dos internautas que passam pelo seu site.

Portanto, como vimos ao longo do nosso conteúdo completo, existem diversos canais de marketing digital disponíveis para as empresas. Com esses meios, os ganhos são bem interessantes, aumentando o conhecimento da marca, atraindo novos clientes, destacando a marca no mercado e gerando mais vendas.

Porém, tão importante quanto criar esses canais é fazer uma boa gestão, aproveitando o que cada oportunidade tem de melhor a oferecer. Para isso, contar com um sistema integrado de marketing é essencial.

A solução que oferecemos, o ReachEdge, é capaz de atender todas as demandas, mantendo a sua empresa no topo das escolhas e trabalhando melhor os seus leads e clientes.

E então, gostou do nosso conteúdo sobre como obter melhores resultados com os canais de marketing digital? Agora, não deixe de assinar nossa newsletter para receber mais materiais como este e continuar aprendendo e aplicando cada vez mais!

Você Também Vai Gostar