OS BENEFÍCIOS DA DIVERSIDADE NO TRABALHO

Uma empresa é muito mais que um CNPJ ou apenas uma entidade que visa o lucro acima de tudo. Uma empresa tem um papel social importante. Em uma sociedade com tanta multiplicidade cultural, é importante que as organizações desenvolvam uma postura madura para encarar as diferenças. A diversidade no ambiente de trabalho é um fator que merece bastante atenção e que pode gerar uma série benefícios, se você desenvolver uma boa abordagem da questão.

Pensando nisso, confira algumas vantagens que podemos conquistar quando trabalhamos a diversidade da melhor maneira possível.

Melhores resultados

A diversidade nas organizações contribui para que a equipe alcance resultados mais positivos. Isso acontece porque o ambiente de trabalho é cooperativo, estimulante e acolhedor. Assim, os colaboradores se sentem mais motivados e engajados para realizarem suas atividades.

Com a melhor qualidade de vida da equipe, todos trabalham melhor e com mais efetividade. Esses fatores contribuem para que os resultados sejam melhores na corporação. Com essas consequências benéficas, a equipe fica mais estimulada, gerando um ciclo positivo no negócio.

Diminuição de Conflitos

Em organizações em que há uma cultura de respeito à diversidade, os conflitos são bem menos recorrentes. Como há uma política de boa convivência entre as diferenças, os colegas de trabalho podem ter mais facilidade para lidar com divergências entre eles. A política de respeito e tolerância estimula a capacidade de escuta e de buscar acordos dos profissionais.

Dessa forma, diferenças de opinião não desencadeiam em desentendimentos, rompimentos ou atritos. Elas são estímulos para a formação de uma construção cooperativa e para a busca de um consenso.

Diminuição da rotatividade

Quando há muita exclusão na equipe devido às dificuldades de convivência com diferenças, é comum acontecerem desligamentos da empresa. Às vezes, por não suportarem a dinâmica de segregação entre os colegas, alguns membros do time preferem sair do emprego. Esse processo é muito problemático. Equipes intolerantes tendem a ter um alto índice de rotatividade porque os profissionais não dão conta da exclusão.

Com um grupo diversificado e que acolhe as diferenças, os colaboradores se sentem mais seguros e acolhidos. Isso contribui para a cooperatividade e o senso de pertencimento. Assim, o turnover é bem menor na companhia.

Aumento da criatividade no ambiente

Em um ambiente que valoriza a diferença e que coloca a diversidade como um elemento que acrescenta para o negócio, os colaboradores sentem que têm mais liberdade para ter autenticidade e genuinidade no trabalho. Esse fator contribui para que haja mais originalidade na produção.

Além disso, o ambiente diversificado propicia condições para que novas ideias circulem entre os membros do time. Os profissionais ficam mais engajados e criativos, prontos para liberarem os seus potenciais.

Melhoria da imagem da empresa

Uma corporação que valoriza a diversidade está cumprindo com seu papel social. Isso contribui para que a organização seja bem-vista. Afinal, é uma postura de responsabilidade para com a sociedade.

Além disso, o aprendizado sobre a multiplicidade que os colaboradores têm na companhia é difundido no meio social pelos próprios profissionais. Quando vão para outros espaços, eles reproduzem os comportamentos de tolerância aprendidos no trabalho. Com isso, se tornam exemplos para as outras pessoas.